contato@institutokopp.com.br

Bichectomia – Lipoescultura Facial

A bichectomia trata-se da cirurgia plástica de redução das bochechas, através da retirada da chamada “bola de bichat” – gordura localizada na região das bochechas, que pode trazer ao rosto um aspecto arredondado.

O procedimento, tem sido cada vez mais procurado, principalmente por mulheres jovens, entre 20 e 30 anos, devido à influência de diversas celebridades que sabidamente já realizaram a cirurgia, como por exemplo: Megan Fox, Madonna, Jennifer Lopez e Kim Kardashian.

O principal motivo para a realização dessa cirurgia, seria o descontentamento com o formato do rosto, devido ao excesso de gordura nessa região, que pode trazer uma aparência de sobrepeso, além de diminuir a harmonia da face. Através da cirurgia, o rosto do paciente torna-se mais fino, com contornos bem definidos e as maçãs do rosto mais salientes.

A realização do procedimento se dá através de dois cortes internos na bochecha do paciente, medindo cerca de 1 a 3 cm cada um, por onde a gordura é retirada, por isso, a bichectomia não deixa cicatrizes visíveis. A cirurgia é realizada com anestesia local e sedação ou anestesia geral, durando cerca de 40 minutos e com recuperação semelhante à extração de um dente do siso.

A Bichectomia pode ser feita em conjunto com outros procedimentos faciais como: lifting facial, cirurgia plástica das pálpebras, correção de orelha rasgada. É indicada para pacientes de ambos os sexos, em seu peso ideal e com crescimento completo do rosto, de preferência a partir dos 18 anos.

O pós-operatório da cirurgia costuma ser tranquilo. O paciente deve tomar medicações para controle da dor, que não costuma ser forte. Algumas horas após a cirurgia já é possível ir para casa se recuperar com mais conforto.

Nos primeiros dias após a cirurgia aparece um inchaço normal no rosto, que costuma regredir após 72 horas. Algumas áreas podem ficar roxas e mas melhoram após alguns dias.

A cirurgia para afinar o rosto tem caráter 100% estético e qualquer paciente que se sinta desconfortável com a aparência das bochechas é um possível candidato. Porém, há controvérsias entre os cirurgiões plásticos, onde alguns defendem que a gordura da região das bochechas diminui naturalmente com o envelhecimento e retirá-las poderia acelerar esse processo, necessitando reposição da gordura ao longo dos anos, outros defendem que a quantidade de gordura retirada é apenas o excesso, não trazendo assim flacidez à pele, mas sim, rejuvenescimento, pois a pele se adapta ao contorno mais afinado do rosto.

Há alguns riscos envolvidos nesse procedimento, como em qualquer cirurgia. A bola de gordura da face é rodeada por ramos bucais do nervo facial e pelo ducto parotídeo – o canal que transporta saliva. Sendo assim, o principal risco é ocorrer lesão de alguma dessas estruturas, podendo ocorrer paralisia facial.

A bichectomia é um procedimento simples, porém ainda é uma cirurgia. Para quem deseja realiza-la, deve-se considerar os prós e contras com cautela antes de efetuar a cirurgia e escolher um profissional devidamente qualificado, que possa oferecer um resultado de qualidade.

O Instituto Kopp – através do Ensino e Saúde, oferece o curso de Bichectomia para profissionais da Odontologia.

Compartilhar:

Deixar comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.