contato@institutokopp.com.br

alimentacao-pos-implante-dentario

“O que posso comer após cirurgia de implante dentário?”

Muitas dúvidas surgem a respeito da alimentação após a cirurgia de implante dentário.  Frequentemente, os pacientes que passam por essa cirurgia acabam ficando com dúvidas sobre o que devem ou não comer após o procedimento.

A questão é pertinente, pois existe a preocupação de não deixar resíduos alimentares afetarem o local da cirurgia, o que pode traumatizar os tecidos. Outros problemas podem surgir se o implante for submetido a uma carga que não está preparado para receber.

Dessa maneira, manter uma boa alimentação no período pós cirúrgico dos implantes é necessário para manter o organismo do paciente forte, de modo a evitar que apareçam infecções e inflamações, o que dificulta uma rápida regeneração e cicatrização dos tecidos.

Qual deve ser os cuidados com a alimentação pós implante?

O paciente precisa ter muito cuidado com a alimentação por alguns dias, após a realização do implante dentário. O cardápio deve ser bem parecido com aquele que é aplicado em qualquer cirurgia odontológica ou extração de dente.

Desse modo o paciente deve, cerca de 2 a 4 dias após a cirurgia, dar preferência aos alimentos líquidos, pastosos, macios e frios para não prejudicar o processo de cicatrização, e consequentemente, ter que visitar o dentista antes do prazo.

Os alimentos frios, como sopas e sorvetes, por exemplo, são ótimos para ajudar a reduzir possíveis inchaços, além do que, alimentos quentes podem iniciar um quadro doloroso e arriscado.

Alimentos para evitar após a cirurgia de implante dentário

Durante o procedimento de recuperação o paciente deve evitar alimentos ácidos, pois eles podem irritar os tecidos que estão no processo de cicatrização e causarem incômodo, além do risco de surgimento de problemas futuros.

 

Também é importante observar o movimento mastigatório, garantindo que ele continue o mais leve possível, sobretudo do lado contrário ao local da cirurgia, evitando assim possíveis incômodos durante o processo.

Outro ponto importante e bastante recomendado ao paciente é que ele evite, de toda maneira, a ingestão de bebida alcoólica durante todo o período de recuperação para não atrapalhar os efeitos dos medicamentos receitados.

Desse modo, seguindo corretamente todos os protocolos citados acima, o paciente colabora para uma rápida cicatrização, além de não prejudicar o trabalho do organismo na recuperação pós-cirúrgica.

Alimentos recomendados: 

  • Sucos de frutas não ácidas e chás;
  • Leite, vitamina, iogurte e mingau;
  • Sorvete;
  • Sopa fria, de preferência em forma de creme ou caldo com pedaços muito pequenos que não necessitem de esforço mastigatório. Não se deve esquecer que elas precisam ser ricas em nutrientes;
  • Purê de batata ou de outros legumes;
  • Frutas amassadas ou cozidas.

Alimentos a serem evitados:

  • Carnes em pedaços que precisam ser mastigados;
  • Alimentos muito duros (amendoim, mastigar gelo, pão italiano);
  • Alimentos quentes;
  • Bebidas gasosas, como refrigerantes;
  • Alimentos potencialmente irritantes, como frutas e sucos ácidos, pimenta.

Aproveite e confira em nosso canal do youtube a importância da manutenção para os implantes dentários, clicando aqui.

Conclusão

Após a ingestão de alimentos, o paciente deve realizar a limpeza cuidadosamente para evitar infecções nos implantes. Ela deve ser feita sempre no local da cirurgia, com todo o cuidado possível, seguindo sempre as orientações do dentista.

Se você ficou com alguma dúvida sobre os procedimentos de alimentação pós implante dentário, deixe seu comentário abaixo ou então nos envie uma mensagem pelo whatsapp clicando aqui.

Os especialistas do Instituto Kopp Odontologia entrarão em contato com você para esclarecer toda e qualquer questão!