contato@institutokopp.com.br

Causas principais da perda do implante dentário

Ao longo dos 26 anos reabilitando implantes dentários, muitas perguntas me tem sido feitas. A maior insegurança dos pacientes é em relação a possível perda do implante dentário.

As preguntas mais comuns após o tratamento com relação a implantes dentários são:

  • Doutor, os implantes dentários são para vida toda?
  • E o que leva a perda dos implantes dentários?

Respondendo a estas perguntas:

Você pode perder um implante dentário por vários motivos , assim como um dente natural. Os implantes e dentes podem durar por muitos anos ou pela vida toda. Isso depende de muitos fatores, como cuidados com a higiene bucal e visitas periódicas de manutenção ao dentista.

Existem inúmeras causas que podem levar a perda dos implantes dentários, mas as principais são:

 

 

1- Falta de higiene adequada.

Os implantes necessitam de cuidados redobrados com a higiene, se comparados aos dentes naturais. Os implantes são dispositivos conectados à protese, e apresentam maior retenção de placa bacteriana (biofilme). Dessa maneira, necessitam de maior tempo e dedicação para correta remoção dos residuos alimentares.

Quando não possuímos higiene adequada, a gengiva pode inflamar ao redor do implante, podendo levar a perda do implante se não tratada.

2- Trauma oclusal.

A nossa oclusão está em constante mudança.

Os desgastes de dentes naturais são diferentes dos desgastes de uma prótese. Devido a esta mudança na mordida, o implante poderá receber mais carga na mastigação, ocorendo assim, o trauma oclusal.

O trauma oclusal pode levar a perda óssea ao redor do implante e causar a perda do implante se não tratado.

O trauma oclusal, acompanhado de hábitos parafuncionais, como o apertamento e bruxismo, pode acelerar a perda óssea ao redor do implante.

3- Implante dentário mal executado.

Quando um implante é mal instalado devido tamanho, posição e número desfavorável ou em pouca estrutura osséa, há uma maior possibilidade em perder o implante, pois ele pode não resistir as forças da mastigação.

4- Prótese sobre o implante dentário com confecção inadequada ou mal adaptada.

A prótese mal elaborada, mal adapatada e mal ajustada poderá trazer inúmeros problemas, como: distribuição de carga inadequada durante a mastigação, dificuldade na higienização, dificuldade na mastigação, dores nas articulações, fadiga nas articulações, inflamações, infeccções, mal hálito e muitos outros problemas que levarão a perda dos implantes dentários.

Como prevenir a possível perda do implante dentário?

Existem sinais que podem ser observados como:

  • Sangramento a escovação;
  • Secreção de pus ao apertar a gengiva ao redor do implante;
  • Sensibilidade gengival ao redor do implante;
  • Desconforto ao redor do implante;
  • Dor ao mastigar.

A boa manutenção pode prevenir muitos desgostos (perda dos implantes).

Um profissional especializado, procede com exame clínico minucioso, verificando a saúde gengival, oclusão e estado da prótese. O exame complementar do raio x o ajudará a verificar a saúde óssea para melhor diagnóstico da saúde perimplantar.

Em muitos casos, quando detectamos no início o problema, seu implante pode ser salvo da perda. Por este motivo recomendamos que, além de ter excelentes cuidados de higiene bucal, visite seu dentista regularmente.

Infelizmente a grande realidade é que muitos clientes terminam o tratamento e não retornam para consultas de manutenção.

O problema pode surgir de forma silenciosa, sendo despercebido, e quando o cliente percebe, já é tarde demais, pois já pode estar ocorrendo a perda de todo o tratamento rabilitador com implantes dentários.

Além do mais o tempo investido, o sofrimento por passar por intervenções cirúrgicas, consultas para confecção da prótese e investimento financeiro, pode ser todo perdido.

Quando se é concluido o tratamento reabilitador com implantes, é necesario que seja orientado o paciente com os cuidados e alertar quanto haver a necessidade de retornos periódicos para manutenção. Alguns retornam, mas a grande maioria, somente retornará quando sentir algo errado. Lamentavelmente, este comportamento poderá comprometer todo o tratamento.

Caso ocorra a perda do implante, o que fazer?

Quando ocorre a perda do implante dentário, muitas vezes, podemos ter várias dúvidas.

E agora? Será que posso fazer outro implante imediatamente?

Sim, se pode realizar outro implante.

Isso deverá ser muito bem avaliado, através de exame clínico e radiológicos para definir qual o planejamento e momento para realizar a instalação de um novo implante. Muitas vezes necessitamos de enxerto ósseo para poder reparar o local onde será instalado o novo implante, mas isso só poderá ser avaliado com exame tomográfico.

Orientação, prevenção e manutenção são a prática mais segura a ser seguida.

Grande abraço a todos.

Dr. Gino Kopp

Compartilhar:

Deixar comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.